HSSuffer: Hidradenitis Suppurativa, Ictiose, Auto-Hemoterapia, Disordens Cutâneas, Doenças Raras e Auto-Imunes

Hidosadenite Supurativa, Ictiose, Doenças Raras, Auto-Hemoterapia e tratamentos na Medicina Alternativa abordando aspectos Psicológicos e sequelas que envolvem seus portadores

21 minutos contra a depressão

Esta é a réplica de um e-mail que me foi enviado por um amigo e que achei muito interessante. Vale a pena compartilhar. Todas as fontes estão disponíveis no corpo da matéria. Aproveitem! =)

Especialistas quantificam o tempo de exercício físico necessário para se proteger da depressão. Saiba o que fazer nesse período

http://saude.ig.com.br/bemestar/

Exercícios aeróbios são os que trazem mais resultados contra a depressão

Um estudo da Universidade Southern Methodist, de Dallas, nos EUA, conseguiu identificar a quantidade diária necessária de exercício físico capaz de proteger contra a depressão: apenas 21 minutos.

Siga o iG Saúde no Twitter 

De acordo com o pesquisador responsável pelo estudo, Jasper Smiths, a prática de exercícios parece atuar em neurotransmissores específicos do cérebro como os antidepressivos, ajudando pessoas a restabelecer comportamentos positivos.

A liberação da serotonina e da dopamina em maior quantidade resulta em um efeito protetor contra a dor e também em mais felicidade.

“É importante encontrar uma atividade prazerosa e que possa ser mantida a longo prazo e não somente até que os sintomas sejam amenizados”, explica Ricardo Wesley, professor da Cia Athletica (unidade Estádio do Morumbi). Os exercícios aeróbios são os mais indicados.

“A prática de exercícios também proporciona um benefício social aos pacientes, uma vez que induz a uma interação do paciente com outros pessoas”, completa Dario Mathias, da Bodytech (unidade Eldorado).

Leia também:

Depressão influencia em todas as outras doenças trabalhistas
Reconheça os sinais da depressão
Terapia é mais eficaz do que remédio contra depressão

O tempo é sete minutos inferior ao preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para quem quer sair do sedentarismo.

“Manter-se ativo é importante não somente pelo lado psicológico, mas para prevenir problemas como hipertensão, diabetes e dores na coluna. Assim podendo viver uma vida mais longa e saudável”, diz o professor, avaliando que vale a pena esticar o treino uns minutinhos.

Cerca de 5% da população mundial tem ao menos um episódio de depressão anualmente. A doença psiquiátrica aumenta o risco de infarto, porque o paciente deprimido sofre alterações neuroendócrinas e imunológicas graves.

Veja o que você pode fazer nesse tempo:

– Caminhada: o cérebro libera dopamina e serotonina durante a atividade. A caminhada, por não ser competitiva, é ideal para quem quer começar. Além disso, pode ser praticada pela grande maioria da população em qualquer lugar, sem implicar custos. Também é fácil de ser inserida na rotina. 

– Corrida leve: também é um ótimo exercício, com os mesmos benefícios que a caminhada, mas exige força de vontade e perseverança. Também demanda um pouco mais de condicionamento físico do que uma simples caminhada.

Quer começar a correr? Siga o nosso Programa de Exercícios

– Bicicleta: é um ótimo exercício aeróbcio, e, portanto, traz todos os benefícios da caminhada ou da corrida. Mas, pedalar tem um ganho extra: é mais dinâmico e passear por paisagens diversas pode trazer uma maior sensação de bem-estar.

Vai pedalar? Aprenda a escolher a bicicleta mais adequada

– Ioga: os movimentos da ioga tem ação direta no sistema nervoso central e trazem um grande relaxamento. A sensação de prazer, alívio e paz protege contra a depressão.

– Musculação: os exercícios de força melhoram o bem-estar, por isso também podem ser uma boa opção para quem quer se proteger contra a depressão. Além disso, o corpo fica mais firme, melhorando a autoestima.

Leia mais notícias de saúde e bem-estar

PROFESSORA USA AUTO-HEMOTERAPIA PARA COMBATER A DEPRESSÃO
http://www.youtube.com/watch?v=4pbXHSaj_Ps

2 Comentários»

  DORIS LEMES wrote @

yo estuve por seis meses con un liquen sin respuestas de ningun tratamiento, los corticoides solo me aliviavan, asta que una amiga me ablo de la hemoterapia, ase un mes que me estoy asiendo y evolucione favorablemente, estoy feliz

  Fetha wrote @

Auto-hemoterapia cura infecção: (Estreptococos, Streptococcus) 1m:39s

Vídeo com duraçãode 1:39 (1 minuto e 39 segundos).

Mais um CASO DE SUCESSO DOCUMENTADO DA AUTO-HEMOTERAPIA, publicado no grupo Hemotérapia, O Sangue que Cura eu Faço!

Publicado por Maisa Sousa:

Olá pessoal, estou aqui para compartilhar mais uma conquista que a Hemoterapia proporcionou.

POSTAGEM COM OS LAUDOS (ASLO: A.S.L.O.), ANTES E DEPOIS DE 3 MESES DE AUTO-HEMOTERAPIA!

Os laudos mostram a variação da taxa aslo entre 800 e 200.

* PARA AJUDAR NA DIVULGAÇÃO DA AUTO-HEMOTERAPIA:

Lembre-se que contra fatos e fotos não há argumentos!

*** ENTÃO SUA AJUDA É MUITO IMPORTANTE. ***

Faça sua parte, divulgando seu testemunho. Muitas pessoas já fizeram. Divulgue seus laudos, fotos, exames e outros documentos, mostrando de maneira clara, que a auto-hemoterapia é eficaz e muito benéfica.

* AUTO-HEMOTERAPIA. MEU SANGUE ME CURA!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: