HSSuffer: Hidradenitis Suppurativa, Ictiose, Auto-Hemoterapia, Disordens Cutâneas, Doenças Raras e Auto-Imunes

Hidosadenite Supurativa, Ictiose, Doenças Raras, Auto-Hemoterapia e tratamentos na Medicina Alternativa abordando aspectos Psicológicos e sequelas que envolvem seus portadores

Auto-Hemoterapia, Dr. Fleming e os antibióticos… (XIII)

fleming13

Texto: Jorge Martins Cardoso (Médico)
(…)
Em Santo Amaro da Purificação, no início do século XX, nasceu o médico Dr. Olívio Martins, autor, entre outros, do livro “O Poder Curativo do Sangue – Menos Remédios e Mais Ciência”. Do livro do médico: página 9 – prefácio – “A convite da “Hora Médica do Brasil”, dirigida por ilustres colegas, fizemos a conferência que agora publicamos, para maior divulgação do poder curativo do sangue, recurso que vem despertando nos portadores de doenças rebeldes a toda sorte de tratamentos, a esperança de uma cura provável.

Página 17: Dr. Oliveira Botelho que foi o introdutor do pneumotórax, no Brasil, desprezou este processo, em sua época áurea, para adotar o tratamento da tuberculose pela vacina do sangue, levando sempre ao conhecimento da Academia Nacional de Medicina, os brilhantes resultados obtidos.

No Dicionário de Clínica Médica do médico baiano Dr. Humberto de Oliveira Garboggini (já mencionado em outros artigos), na página 1.433, encontramos: Pneumotórax – presença ou injeção de gás na cavidade pleural. A injeção de ar na pleura (pneumo-artificial) serve como terapêutica na tuberculose. Já estamos sabendo que a penicilina foi o primeiro antibiótico, descoberta do Dr. Fleming. A existência da tuberculose levaria à “descoberta” do segundo antibiótico. O que chama mais a atenção, é o fato de, no passado, ter existido uma terapia para a tuberculose, geralmente desconhecida pela maioria dos médicos atuais. (está registrado no dicionário médico).

O que é ainda mais curioso: na “fase áurea” do pneumotórax, o médico Dr. Oliveira Botelho abandona tal terapia, substituindo-a pela vacina do sangue, ou seja, a auto-hemoterapia. Como alertara Dr. Fleming, o uso da penicilina deveria perdurar durante 10 anos, e, alcançado este prazo, a penicilina deveria ser substituída por outro antibiótico. Com a descoberta do segundo antibiótico, direcionado à tuberculose, tal orientação do Dr. Fleming também não foi obedecida. Resultado: o bacilo de Koch, o micróbio causador da tuberculose, ficou cada vez mais resistente, obrigando ao uso de vários antibióticos. E haja dinheiro. E haja resistência bacteriana. E haja ganância…

Página 39: Revitalização (parte VI) – Segundo o professor Bogomelets, “é possível ao homem atingir o termo normal de sua vida – 125-150 anos”. Entretanto, morre-se em média, aos 50 anos de idade, apesar dos esforços da ciência em prol da existência. Página 41: Bogomelets e seus colaboradores russos emprestam notável importância ao tecido conjuntivo, e dizem: “Admitimos que o envelhecimento do organismo começa justamente pelo tecido conjuntivo. O organismo tem a idade de seu tecido conjuntivo. A estimulação de suas funções aumenta o teor de anticorpos no sangue e reforça a resistência do organismo às infecções”.

1ª metade do século XX – maio de 1946 -Seleções do Reader’s Digest – Tomo IX – nº 52 – Artigos de interesse permanente condensados em formato de livro – páginas 1, 2, 3 e 4: Condensado do “Ladies Home Journal” (algo como, Jornal das Donas de Casa). Durante os quinze anos em que veio escrevendo artigos sobre ciência para o “New York Times”, William L. Laurence, detentor do prêmio Pulitzer por suas reportagens de excepcional mérito, teve oportunidade de explicar aos leigos muitos dos milagres realizados por químicos e físicos. Considera a descoberta narrada neste artigo como “mais importante para a humanidade do que a bomba atômica”. O título: “Amanhã poderemos ser mais jovens”. – “Nas esferas médicas, altamente ativas, da Rússia Soviética, chega a notícia de um soro novo e extraordinário, o ACS. Desde a descoberta da penicilina em 1941, nenhum outro “medicamento” despertou interesse tão grande.

Composto pelo professor Alexander A. Bogomolets, que dedicou mais de 30 anos ao estudo da velhice… O professor russo citado no livro do médico Dr. Olívio Martins, (Bogomelets) é o mesmo citado na Seleções do Reader’s Digest (Bogomolets). Por isso, a jornalista, o fotógrafo e o JORNAL DA CIDADE estão de parabens pela reportagem: “Nascida em senzala faz 111 anos hoje”. Foi válida a reportagem sobre uma senhora de idade avançada. Dona Canô, mãe de Caetano Veloso e Maria Betânia tem 101 anos de idade. Alguém já fez a biografia dela?

O autor do livro “O Poder Curativo do Sangue – Menos Remédio, Mais Ciência”, o médico Dr. Olívio Martins, faleceu com idade provecta. A vida dele merece uma reportagem ou quem sabe, até um livro. Auto-Hemoterapia: tudo a ver! Concluiremos o artigo do jornalista William L. Laurence posteriormente. Primeiros anos do século XXI – No esplêndido livro de um médico sergipano, encontramos historicamente referencia a pneumotórax e ao 1º antibiótico específico para tuberculose. Veremos depois.
Bom dia! Até outro dia!

 

por Walter Medeiros

Auto-Hemoterapia e os antibióticos – I – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/844686498983603/
Auto-Hemoterapia e os antibióticos – II – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/845057435613176/
Auto-Hemoterapia e os antibióticos – III – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/845474032238183/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – IV – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/845873625531557/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – V – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/846255108826742/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – VI – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/846643988787854/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – VII – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/847117532073833/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – VIII – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/847423832043203/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – IX – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/847768768675376/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – X – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/848251258627127/
Auto-hemoterapia e os antibióticos – XI – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/848754801910106/?notif_t=like
Auto-hemoterapia e os antibióticos – XII – https://www.facebook.com/groups/autohemoterapiatrataecura/permalink/849100718542181/

No comments yet»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: